Encerra nesta quinta-feira (17), na cidade de São Paulo, a 26ª edição da Intermodal South America 2022, que reúne dezenas de marcas nacionais e internacionais dos setores logístico, transporte de cargas e tecnologia. O estande da CODESA já é uma tradição no evento, participando pela 21ª vez. Com 100 m², o espaço abriga sete parceiros: Multilift, Start Nav, VOL, Peiú, Centrorochas, Sindamares e Liquiport.

O estande é uma plataforma de negócios para o setor logístico capixaba, um ambiente de networking. Permite às empresas parceiras maior proximidade com os clientes, possibilitando o fechamento de negócios. Retornando após dois anos devido a pandemia, a Intermodal dá acesso direto a 200 expositores nacionais e estrangeiros e a mais de 20 mil visitantes de 68 países.

Conheça a opinião dos sete players capixabas sobre a Intermodal South America, aberta na terça-feira (15):

Centrorochas

“Nosso objetivo é estabelecer relacionamento com o setor de logística para gerar mais fluidez nos processos de exportação. É fazer network. Nãb7o somos donos das cargas, mas buscamos proporcionar os melhores processos para o transporte do produto. Somos uma instituição nacional, e atuamos para melhorar a produtividade e a relação entre as empresas do setor produtivo”. Celmo de Freitas – diretor executivo.

Liquiportsc

“É a nossa primeira vez no estande da CODESA e a experiência superou a expectativa. A empresa veio conhecer o evento, está se apresentando ao mercado e a receptividade tem sido excelente. Estamos realizando network”. Lidiany Bacchiet – coordenadora de contas.

Multilift

“Considerando esses dois anos sem o evento, esta edição foi oportuna para fortalecer as relações existentes e resgatar discussões sobre soluções logísticas e, em especial, tratar de oportunidades de negócios em um ambiente favorável. Tivemos conversas com parceiros, clientes e reuniões em que discutimos soluções e aumento de capacidade para atender futuras demandas”. Wagner Cantarela, gerente comercial.

Peiú

“A Feira surpreendeu. Após dois anos estamos vendo as pessoas se reaproximarem. Clientes e empresas retomando contatos pessoalmente, retomando o ritmo das conversas. A Feira é isso: é o contato presencial, o debate, as conversas e soluções logísticas. É oportunidade de conhecer as novidades e trocar experiências, fortalecendo as parcerias e construindo oportunidades de negócios”. Givago Valente, gerente operacional.

Sindamares

“Apesar de menor, a Feira deste ano tem enorme simbolismo. Após dois anos, a Intermodal retorna e com muita expectativa por parte dos segmentos, e o movimento está acima do esperado. Nós recebemos nossos parceiros e cumprimos nosso propósito no evento, que é fortalecer a classe dos agentes marítimos. Desde 2008 participamos do estande. Somos o parceiro mais antigo da CODESA na intermodal”. Leandro Cordeiro – secretário executivo.

Start Nav

“O segundo e o terceiro dias foram excelentes. O primeiro foi de receio. Embora menor a Feira, cumpre bem o seu papel que é promover reencontros, novos encontros e contatos promissores. A configuração do estande foi especial, importante para a promoção e estreitamento de contatos. Temos realizado contatos promissores”. Nilo Cunha, consultor. 

VOL

“Depois de dois anos, a edição retoma com muita expectativa pelo reencontro entre os stakeholders e as perspectivas de novos negócios. Há esperança e grande expectativa de novas oportunidades. É momento de retomada, embora o setor portuário não tenha parado. Neste evento retomamos contatos já realizados, diversas reuniões e estamos muito satisfeitos em participar desse momento otimista para todos”. Anderson Mendanha – gerente operacional.


Coordenação e Comunicação da CODESA

Galeria