Fala.BR
VLibras O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Governança, transparência e gerenciamento de risco e controle. O bom desempenho nas três áreas apuradas pela Secretaria de Governança das Empresas Estatais (Sest), do Ministério da Economia, manteve a CODESA entre as melhores estatais federais. O resultado do 5º ciclo do IG-Sest/21, que define a o ranking das instituições exemplares em gestão pública, foi anunciado essa quarta-feira (1º), em Brasília. A CODESA foi representada pelo diretor de Planejamento e Desenvolvimento, Bruno Fardin.

Com novidades na metodologia, o IG-Sest avaliou 158 estatais: 60 instituições (45 de controle direto e 15 subsidiárias) atingiram os requisitos mínimos, mas,  apenas 31 foram certificadas. Este ano foi ampliada a  participação externa para elaboração, execução e acompanhamento das apurações; revisada a metodologia e aplicadas 50 questões, quase o dobro dos indicadores medidos anteriormente. 

O processo de classificação também mudou: antes, conforme a notas apurada, cada empresa era distribuída em um dos quatro níveis de pontuação. Agora é por quartil, distribuído em dois níveis: 1 e 2.

A CODESA e o Porto de Santos foram as únicas empresas públicas do setor portuário certificadas neste 5º ciclo. Ambas no nível 2. O diretor Bruno Fardin agradeceu a competência e o comprometimento do time CODESA por mais esta certificação alcançada.

O Indicador de Governança é um instrumento de acompanhamento contínuo das estatais, desenvolvido pela Sest, com objetivo de avaliar o cumprimento dos requisitos da Lei nº 13.303.

 

Coordenação de Comunicação da CODESA

Galeria

VTMIS

Conheça o Sistema de Informação e Gerenciamento do Tráfego de Embarcações (VTMIS)

Acesse agora
Video

Saiba mais sobre o Porto de Vitória