Brasil
VLibras O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

IR 2020 PARA PERMANÊNCIA DE AGREGADOS COMO DEPENDENTES NO PLANO DE SAUDE CODESA

Para manutenção do cadastro de agregados (pais, avós, sogras e/ou outros) no Plano Codesa Saúde é necessário enviar cópia da Declaração de Imposto de Renda 2020 (Ano Base 2019) para a Autogestão.

Os dependentes que não constarem na declaração de 2020 serão automaticamente bloqueados no sistema a partir de 15/05/2020.

Páginas da Declaração 2020: Páginas do Recibo de envio à Receita Federal + Página onde constam os dependentes;

Dependentes do IR: pais, avós, irmãos e outros sob tutela/guarda judicial inclusos no plano antes de 18/01/2018;

                                        NÃO se aplica aos dependentes cônjuge e filhos. 

Emails para envio: saude@codesa.gov.br; fferreira@codesa.gov.br; esantos@codesa.gov.br; 

Prazo final: 15/05/2020  

Telefones para esclarecimentos: 3132-7357 ou 3132-7326


Atenção: A extenção do prazo de entrega da Receita Federal NÃo altera a data do vencimento no sistema da Operadora.

                  Escolher a data de envio da declaração à Receita é decisão individual.

                  Caso escolha enviar a declaração após o dia 15/05 e o dependente bloqueado precisar utilizar a rede credenciada,

                  orientamos solicitar liberação do atendimento pelo whatzapp do Plano: 99889-8690 (apenas envio de mensagens).


Observações da Receita Federal:

a) Cônjuge e filhos até 21 anos são dependentes diretos. Não precisa da Declaração de IR para mantê-los no plano.

b) Netos, bisnetos, irmãos e sobrinhos

- Só podem ser seus dependentes se eles não contarem com o apoio financeiro (arrimo) dos pais e se você tiver a guarda judicial deles.

- Aqui também vale a mesma regra de idade dos filhos, ou seja, só podem constar até os 21 anos, ou até 24 se estiverem frequentando faculdade, ou em qualquer idade se forem incapazes.

 c) Pais, avós e bisavós

- Só entram como seus dependentes se as rendas recebidas por cada um deles (aposentadoria, pensão, aluguel) em 2017 somarem até R$ 22.847,00.

 d) Sogros

- Poderão ser seus dependentes se você fizer sua declaração em conjunto com o cônjuge ou companheira (o).

Nesse caso, vale a mesma regra dos pais, ou seja, a renda da(o) sogra(o) não pode  ultrapassar R$ 22.847,00 em 2017. 

Mas cuidado com uma pegadinha:

O cônjuge precisa ter uma renda tributável. Se não tiver, os sogros não podem ser dependentes.

e) Tios e tias:

- A Receita Federal não aceita tio ou tia como dependente para fins de dedução de Imposto de Renda.

- Se você for tutor ou curador de uma pessoa incapaz, independente da idade ou do grau de parentesco, essa pessoa pode figurar na declaração do IR como seu dependente.

 Fonte: Receita Federal

Galeria

VTMIS

Conheça o Sistema de Informação e Gerenciamento do Tráfego de Embarcações (VTMIS)

Acesse agora
Video

Saiba mais sobre o Porto de Vitória